Caspas

A caspa é uma condição crônica comum do couro cabeludo marcada pelo descamação da pele no couro cabeludo. A caspa não é contagiosa ou séria. Mas pode ser embaraçoso e às vezes difícil de tratar.

A boa notícia é que a caspa geralmente pode ser controlada. Casos leves de caspa podem não precisar de nada mais que o uso de shampoos anti-caspa diariamente. Casos mais difíceis de caspa respondem frequentemente a ingredientes específicos.

Sintomas

Para a maioria dos adolescentes e adultos, os sintomas da caspa são fáceis de detectar: ​​flocos brancos e oleosos de pele morta que salpicam seus cabelos e ombros, e um couro cabeludo com peito e escama.

A condição pode piorar durante o outono e o inverno, quando o aquecimento interno pode contribuir para a pele seca e melhorar durante o verão.

Um tipo de caspa chamada tampa do berço pode afetar os bebês. Esse distúrbio, que causa um couro cabeludo escamoso e grosseiro, é mais comum em recém-nascidos, mas pode ocorrer em qualquer momento durante a infância.

Embora possa ser alarmante para os pais, a tampa do berço não é perigosa e geralmente limpa sozinha.

Quando consultar um médico

A maioria dos casos de caspa não requer cuidados médicos.

Mas se shampoos não estão ajudando, ou se seu couro cabeludo se tornar vermelho ou inchado, consulte seu médico ou um médico especializado (dermatologista). Você pode ter dermatite seborreica ou outra condição que se assemelha à caspa.

Causas

A caspa pode ter várias causas, incluindo:

Pele oleosa irritada (dermatite seborreica)

Esta condição, uma das causas mais frequentes da caspa, é marcada por uma pele vermelha e gordurosa, coberta com escamas brancas ou amarelas escamosas.

A dermatite seborreica pode afetar seu couro cabeludo e outras áreas ricas em glândulas oleosas, como as sobrancelhas, os lados do nariz e as costas dos ouvidos, o esterno (esterno), a área da virilha e às vezes as axilas.

Não lavar o cabelo com frequência.

Se você não lavar regularmente o cabelo, os óleos e as células da pele do couro cabeludo podem se acumular, causando caspa.

Um fungo de levedura (malassezia)

Malassezia vive no couro cabeludo da maioria dos adultos. Mas, para alguns, irrita o couro cabeludo e pode fazer com que mais células da pele cresçam.

As células extra da pele morrem e caem, fazendo com que elas pareçam brancas e escamosas em seus cabelos ou em suas roupas. Por que a malassezia irrita alguns cabelos escuros não é conhecida.

Pele seca

Flocos de pele seca geralmente são menores e menos oleosas do que aquelas de outras causas da caspa.

Você provavelmente terá pele seca em outras partes do corpo, como as pernas e os braços também.

Sensibilidade aos produtos para o cuidado do cabelo (dermatite de contato)

Às vezes, sensibilidades para certos ingredientes em produtos para o cuidado do cabelo ou corantes capilares podem causar um couro cabeludo vermelho, prurido e escamoso.

Fatores de risco

Quase todos podem ter caspa, mas certos fatores podem torná-lo mais suscetível:

Idade

A caspa geralmente começa na idade adulta e continua até a meia idade. Isso não significa que os adultos mais velhos não obtêm caspa. Para algumas pessoas, o problema pode ser vitalício.

Ser masculino

Como mais homens têm caspa, alguns pesquisadores pensam que os hormônios masculinos podem desempenhar um papel.

Cabelo oleoso e couro cabeludo

Malassezia alimenta óleos no couro cabeludo. Por essa razão, ter pele e cabelo excessivamente oleosos torna você mais propenso à caspa.

Soluções

Criamos um artigo especial falando sobre como acabar com a caspa de forma 100% natural.

Summary
Review Date
Reviewed Item
Caspas
Author Rating
51star1star1star1star1star